Texto O.V.N.I foi baseado em acontecimentos reais?

Por: Fábio Anhaia

Muitas pessoas levam suas experiências a público, principalmente quando isso envolve coisas de outro planeta como OVNIs por exemplo. Com essa era digital quase ninguém acredita já que muitos vídeos são facilmente manipulados e fotos são alteradas.

Mas sim, o texto O.V.N.I que foi lançado a algumas semanas atrás aqui no site é baseado em uma experiência real vivida por eu e minha irmã.

No fato em questão eu tinha uns quatorze ou quinze anos e minha irmã por volta de uns dez ou onze anos, estávamos sentados em uma escadaria observando os carros que passavam na rua em frente a nossa casa quando tudo aconteceu.

Conforme foi adaptado no texto uma estrela brilhante surgiu no céu e foi crescendo e crescendo vindo em nossa direção, começamos a nos questionar sobre o que era aquilo e como poderia estar crescendo tanto e tão rápido. De repente uma forte luz apareceu em nossa frente retornando ao céu em seguida, observamos a “estrela” desaparecer aos poucos chocados com o que presenciamos.

Obviamente ninguém acreditou em nós quando contamos, exceto minha mãe, pelo menos eu acho, já que ela sempre acreditou nesses assuntos de outro planeta.

Mas e ai, você já presenciou ou conhece alguém que já vivenciou uma experiência dessas? Conta para gente ai nos comentários.

O.V.N.I

Autor: Fábio Anhaia

É um belo fim de tarde e os dois estão sentados no meio fio como sempre fazem, eles brincam como duas crianças normais daquela brincadeira de escolher o carro, os vermelhos são os dela e os azuis os dele.

Brincadeira vai, brincadeira vem e Raí sempre fica com os melhores carros.

— Isso não é justo! — Disse Clara irritada.

— Como não? É sorte! Não tenho culpa! — Respondeu Raí.

— Mas os meus sempre são feios! — Disse Clara decepcionada.

— Bom, o problema é seu! — Respondeu Raí.

O próximo carro a passar é vermelho e é um carrão.

— Nãooo! Esse não vale! — Declarou Raí.

— E por que não? Vale sim! — Revidou Clara.

Mais um carro vermelho passa e era outro carrão, parece que a sorte havia mudado de lado. Carros vem, carros vão e o jogo está equilibrado, as duas crianças estão felizes, riem dos carros velhos, orgulham-se dos carros novos. Já é quase noite quando a primeira estrela surge no céu.

— Olha lá! A primeira estrela a nascer! — Gritou Clara toda contente.

— É mesmo, ela é tão brilhante! — Disse Raí.

Os dois pequenos ficam observando a estrela sentados no meio fio, ela é linda, tão azul e redonda como se fosse feita com um compasso daqueles que usamos nas aulas de Geometria.

De repente algo os surpreende.

— Ela está aumentando de tamanho ou é impressão minha? — Perguntou Raí.

— Eu não sei direito, mas parece estar! — Respondeu Clara.

E aos poucos a estrela foi ficando cada vez maior, as crianças começam a ficar angustiadas, a estrela parece estar se aproximando deles cada vez mais, até que então uma forte luz os impede de enxergar, Raí e Clara ficam assustados era como se tivessem ligado uma lanterna em seus rostos, a luz é tão forte que as crianças deitam sobre a calçada. Alguns segundos depois a luz se afasta e retorna ao céu, Raí e Clara observam o O.V.N.I partir, eles não sabem o que foi que aconteceu, mas os dois tem certeza que não é coisa desse planeta.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑